Conecte-se com

Agora é lei: Jovens de baixa renda podem viajar de graça

Cidadania

Agora é lei: Jovens de baixa renda podem viajar de graça

Serão beneficiados jovens de 16 a 29 anos e renda familiar de até dois salários mínimos.

Já está regulamentada a Lei que garante passagem de graça, em viagens de ônibus, para jovens de baixa renda de todo país. O benefício foi assegurado pela Resolução nº 5.063/2016 da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), no último dia 31 de março. Para receber o benefício é preciso ter entre 16 e 29 anos, renda familiar de até dois salários mínimos e está inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

matutar-passagem-jovem-graca-antt

Poderão ser emitidas a partir de julho. Isso porque a concessão do benefício depende da apresentação de um documento chamado “Identidade Jovem”, que será emitido pela Secretaria Nacional de Juventude em parceria com a Caixa Econômica Federal. A disponibilização será feita via digital por meio de aplicativo para smartphone ou por cartão para locais de difícil acesso à internet.

A solicitação 100% gratuita do “Bilhete de Viagem do Jovem” precisa ser feita pelo menos 3 horas antes da partida do ônibus. No caso de preenchimento das vagas, outros dois assentos devem ser vendidos com desconto de 50%. Se a empresa de transporte negar a conceder o beneficio, você tem o direito de exigir um documento formal com data, hora e local e as motivações da recusa.

Caso não concorde com os argumentos ou perceba alguma irregularidade, a reclamação pode ser feita pelo telefone 166, e-mail: ouvidoria@antt.gov.br, pela seção fale conosco do site da Agência (www.antt.gov.br) ou diretamente nos postos de atendimento da ANTT nas principais rodoviárias do país.

Disponibilizamos a resolução da ANTT na integra, veja aqui embaixo:
Resolução nº 5.063/2016 da Agência Nacional de Transportes Terrestres

Foto: Ascom da ANTT

Continuar lendo

Jornalista, santa-mariense e idealizador do Matutar com objetivo de debater assuntos que possam promover mudanças sociais na região da Bacia do Corrente. Idealista por natureza, curioso pela força da profissão e dono de um olhar sensível aos problemas sociais. Maurizan tem uma mente inquieta e está sempre a procura de novas historias para conhecer e contar.

Bora Matutar? Deixe seu comentário

Mais notícias sobre Cidadania

Topo