Conecte-se com

Governador amplia fiscalização dos projetos de irrigação

Correntina

Governador amplia fiscalização dos projetos de irrigação

Rui Costa apresentou uma portaria do Inema que define prazo de 60 dias para instalação de medidores de vazão de água consumida pelas empresas do agronegócio

Portaria do Inema estabelece prazo de 60 dias para empresas do agronegócio instalarem medidores de água consumidas nos projetos de irrigação

O governador da Bahia, Rui Costa, apresentou uma portaria do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) que estabelece o prazo de 60 dias para que as empresas do agronegócio instalem um sistema de medição da vazão consumida em todos os pontos de captação (hidrômetro) da Bacia do Rio Arrojado, em Correntina, região Oeste da Bahia.

O anúncio foi feito durante uma reunião, na última quarta-feira (22), para tratar sobre a elaboração do plano de ações para desenvolvimento de projetos e ações do Governo do Estado da Bahia nas áreas de meio ambiente, agricultura familiar e desenvolvimento socioeconômico da região de Correntina, Oeste da Bahia.

As empresas ainda devem deixar os dados à disposição do Inema e apresentar ao órgão o relatório de instalação no prazo de 60 dias, contados a partir da publicação da portaria, disponível no Diário Oficial do Estado (DOE) de quarta (22).

“Estamos avançando na construção conjunta de uma série de medidas para resolvermos da melhor forma, com técnica e sustentabilidade, as questões na região”, afirmou Rui. Ele acrescentou que, nos próximos dias, uma equipe composta por representantes de diferentes secretárias e órgãos fará uma visita a Correntina, com o objetivo de aprofundar o diagnóstico sobre a captação de água do Rio Arrojado. Após formalização do convite, um técnico do Ministério Público deve compor a equipe.

A convite do próprio governador, a procuradora-geral de Justiça da Bahia, Ediene Lousado, participou da reunião e passa a integrar o grupo de trabalho criado para tratar sobre a situação de Correntina. A participação do MP reforça o empenho do governo estadual na solução dos problemas envolvendo os rios do município e também da região da Bacia do Rio Corrente. 

A reunião foi realizada na Governadoria e também contou com a presença dos  secretários estaduais do Meio Ambiente, Geraldo Reis, e de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, além do procurador-geral do Estado, Paulo Moreno.

No feriado da Proclamação da República, o governador reuniu oito secretários, técnicos e diretores de órgãos estaduais e cobrou pressa na elaboração do plano de ações. Geraldo Reis e Jerônimo Rodrigues estavam no encontro, assim como o titular da Secretaria do Planejamento (Seplan) e vice-governador do Estado, João Leão, e os secretários da Casa Civil, Bruno Dauster; de Relações Institucionais, Josias Gomes; de Desenvolvimento Urbano, Jusmari Oliveira; e de Comunicação, André Curvello.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Governadoria do Estado da Bahia

Continuar lendo

Jornalista, santa-mariense e idealizador do Matutar com objetivo de debater assuntos que possam promover mudanças sociais na região da Bacia do Corrente. Idealista por natureza, curioso pela força da profissão e dono de um olhar sensível aos problemas sociais. Maurizan tem uma mente inquieta e está sempre a procura de novas historias para conhecer e contar.

Bora Matutar? Deixe seu comentário

Mais notícias sobre Correntina

Topo